Agosto 2015

Seis nadadores portugueses participam no arranque do Campeonato do Mundo de Juniores em Singapura, agendado para a próxima madrugada.

O mote será dado por Alexandre Coutinho e Guilherme Pina nos 400 livres, a primeira prova do programa. Ambos vão nadar na quarta série e apresentam-se, respetivamente, com o tempo de inscrição de 4.02,42 e 4.04,80.

Tago Neves ficou à porta da final dos 100 mariposa ao ser nono classificado no Campeonato do Mundo de natação para Surdos, que decorre em San Antonio (Estados Unidos da América), com um novo recorde nacional (S15) em 1.01,72, superando o anterior máximo de 1.02.90.

O acesso à final fechou em 1.01,50. O nadador português vai ainda nadar os 200 livres e 50 mariposa. A competição termina no dia 23.

Site do Mundial

Quarta, 19/08/2015

José Freitas (Fluvial Portuense) e Adriano Niz (Famalicão) conquistaram a medalha de prata nos 400 livres do Campeonato do Mundo de Masters que terminou hoje em Kazan (Rússia).

Tornou-se, aos 19 anos, no mais novo atleta masculino português a participar num Campeonato do Mundo. Em Kazan, Rafael Gil foi 41.º na prova olímpica de 10km e 15.º nos 5km por equipas.

Jorge Viegas Faria (Sport Algés e Dafundo) conquistou hoje a medalha de prata nos 100 mariposa no Campeonato do Mundo de Masters que está a decorrer em Kazan (Rússia).

O nadador português, do escalão 50-54 anos, que na véspera havia sido segundo nos 50 mariposa, repetiu proeza na prova de 100 com o registo de 1.01,77, atrás do italiano Mauro Cappelletti com 1.00,66 e à frente do russo Alexey Filonov com 1.02,83.

Adriano Niz (Famalicão), nadador olímpico nos Jogos de Atenas-2004, voltou a sagrar-se campeão do Mundo de masters em Kazan (Rússia). O nadador português, do escalão 25-29 anos, que na véspera havia conquistado a medalha de ouro nos 200 costas, venceu hoje a prova de 200 livres com a marca de 1.56,22, superando o italiano Federico Filosi (1.57,57) e o francês Ludovic Facchini (1.57,95).

Alexis Santos garantiu hoje o apuramento para a final dos 200 estilos na etapa da Taça do Mundo FINA/airweave que está a decorrer em Moscovo (Rússia).

O nadador português, de 23 anos, que recentemente participou nos Mundiais de Kazan, alcançou o sétimo melhor tempo das eliminatórias com 2.03,17. O acesso à final fechou em 2.03,27. O alemão Philip Heintz foi o mais rápido com o registo de 1.59,19.

Adriano Niz (Famalicão) conquistou hoje a medalha de ouro nos 200 costas do Campeonato do Mundo de Masters que está a decorrer em Kazan (Rússia).

O nadador português, do escalão 25-29 anos, sagrou-se campeão do Mundo com o tempo de 2.06,30, à frente do romeno Remus Florin David com 2.15,40 e do russo Philipp Molkov com 2.18,50.

Victoria Kaminskaya considera que ainda tem “muito que trabalhar e melhorar”, depois de concluir a sua participação no Mundial de Kazan com o 31.º lugar nos 400 estilos com o registo de 4.53,47, acima do recorde nacional absoluto de 4.45,69 que está na sua posse desde março.

Alexis Santos tem como objetivo “bater os recordes nacionais e ficar entre os 16 primeiros” no Campeonato do Mundo que está a decorrer em Kazan (Rússia).

O nadador da Seleção Nacional vai nadar os 50 costas no sábado e os 400 estilos no dia seguinte. Em ambas as distâncias é o detentor dos recordes nacionais absolutos em 25,78 e 4.16,30, respetivamente, alcançados nos Mundiais de Barcelona-2013.

Diogo Carvalho , que hoje foi 15.º nas meias finais dos 200 estilos do Campeonato do Mundo que está a decorrer em Kazan (Rússia), admite que “podia ter feito melhor”, relevando que foi “lento” no início de prova.

O nadador português, que nadou na pista 7 da segunda série, registou o tempo de 2.00,31, acima do recorde nacional absoluto de 1.59,39 que lhe pertence desde os Mundiais de Barcelona-2013.

Ana Catarina Monteiro admite que o seu rendimento foi “abaixo do esperado” no Campeonato do Mundo que está a decorrer em Kazan (Rússia).

Depois do 40.º lugar nas eliminatórias dos 100 mariposa (1.01,53) no primeiro dia de competição, a nadadora da Seleção Nacional foi hoje 24.ª nos 200 mariposa, a sua prova-rainha, com o registo de 2.12,87, acima do seu recorde pessoal de 2.10,51 e do recorde nacional absoluto de 2.10,14 que pertence a Sara Oliveira desde 2008.

O Campeonato do Mundo de Masters, que se realiza em Kazan (Rússia) de quarta feira a dia 16, conta com a participação de 15 nadadores portugueses que irão competir em natação e águas abertas.

No último Mundial, realizado no ano passado em Montreal (Canadá), a representação portuguesa conquistou oito medalhas (1 de ouro, 1 de prata e 6 de bronze).

Em Kazan vão estar em competição 2639 atletas em representação de 71 países nas várias disciplinas.

 

Diogo Carvalho pretende “melhorar o recorde nacional e tentar a meia-final nos 200 estilos” no Campeonato do Mundo que está a decorrer em Kazan (Rússia).

O nadador do Galitos, com um currículo em que sobressai a medalha de bronze nos 200 estilos no Europeu de piscina curta em 2013, vai cumprir o seu quinto Mundial de piscina longa, nadando esta quarta feira os 200 estilos, no dia seguinte os 200 bruços e no dia 9 os 400 estilos.