Agregador de notícias

Telma Monteiro apura-se para segunda eliminatória nos Jogos Europeus de judo

TSF - Desporto - Sáb, 22/06/2019 - 11:01
A judoca lusa procura este sábado defender o ouro de Baku2015.

Rampa Cassiano’s Car fecha estrada em Machico

Diário de Notícias - Desporto - Sáb, 22/06/2019 - 05:00

A prova compreende duas subidas de reconhecimentos, a serem cumpridas às 08h50 e às 10h30, e quatro subidas oficiais com início às 12h10, 13h55, 15h40 e 17h30, pelo que a referida estrada fechará às 08 horas, voltando a abrir à circulação rodoviária às 18h15.

Existirão ainda duas reaberturas, entre as 11h20 e as 11h35 e as 14h45 e 15h apenas em sentido ascendente.

A prova dirigida por José Spínola contará à partida com 9 concorrentes em monolugares, 2 equipas em Porsche e ainda muitos mais pilotos que disputam os primeiros lugares no troféu instituído pela AMAK assim como no Campeonato da Madeira de Ralis Coral.

5 Reforços para um Benfica Europeu

Fair Play - Sex, 21/06/2019 - 22:10

É sabido o desejo de muitos adeptos encarnados de conquistar algo na Europa, não chegando apenas os títulos nacionais para satisfazer a exigente massa adepta do clube da Luz. O próprio presidente reitera com alguma frequência esse desejo, mas para o alcançar, para alem de ser imperativo manter os melhores jogadores, é necessário investir em jogadores habituados a decisões dessa magnitude, ou em jovens que demonstrem capacidade para ainda crescer mais. Partindo desta ideia, trazemos-lhe 5 nomes que iriam projetar o plantel do Benfica para uma dimensão superior.

Sergio Romero

A baliza do Benfica foi entregue na ultima época ao internacional grego Odysseas Vlachodimos, e apesar de algumas excelentes exibições, o helénico nunca pareceu reunir consenso nas hostes encarnadas. Ora, Sergio Romero traria a experiência e qualidade necessárias para uma equipa se apresentar de igual para igual com os grandes da Europa.

O argentino é sempre esquecido quando se fala dos melhores guarda redes da atualidade, sendo que o facto de estar na sombra de De Gea não ajuda em nada, mas o facto é que o internacional argentino corresponde sempre que é chamado, tendo estado nas três finais que a Argentina disputou desde 2014. Um novo começo no Benfica seria certamente visto com bons olhos pelo ex-Mónaco, que precisa de um novo desafio na carreira para regressar à seleção albiceleste, ele que elevaria substancialmente o nível da baliza das águias.

Romero traria mais segurança que Vlachodimos

 

Pol Lirola

André Almeida vem de uma época soberba, onde contribuiu com golos e assistências para o sucesso das águias (a sua segunda metade de 18/19 foi quase assombrosa), mas uma equipa que quer ganhar na Europa tem de ver André Almeida, no máximo, como uma boa alternativa. É aqui que entra Pol Lirola. O internacional sub21 espanhol do Sassuolo é um dos melhores laterais direitos da sua geração, destacando-se pela capacidade de subir no terreno em grande velocidade, não descurando nunca as tarefas defensivas.

O jovem de 21 anos que já pertenceu à Juventus tem um valor de mercado de 13 milhões de euros, o que implica um investimento avultado por um jogador de uma posição onde o Benfica nunca gastou muito. Ainda assim, Lirola parece-nos justificar um esforço financeiro, ele que esta época apontou 2 golos e fez 7 assistências em 35 jogos na Serie A.

Pol Lirola é um lateral de grande propensão ofensiva Pedro Rebocho

Seria uma espécie de 2 em 1 para o Benfica. Primeiro, garantiria uma alternativa interessante para render Grimaldo em alguns jogos(o espanhol acabou a época em esforço) e segundo estaria a contratar um elemento formado no clube, algo sempre apreciado pelos adeptos. Rebocho evoluiu muito nos últimos anos em França, tornando-se um lateral mais consistente em termos defensivos, mas que nunca descura as subidas ao ataque, como comprovam as 8 assistências para golo em 35 partidas.

A descida de divisão do Guimgamp pode tornar o negócio mais fácil, uma vez que o internacional jovem português não irá certamente acompanhar o clube francês na despromoção ao segundo escalão.

Rebocho veria certamente com bons olhos um regresso a “casa” Dani Olmo

Um craque que poderia fazer esquecer João Félix. O jovem espanhol do Dinamo Zagreb obrigaria a um investimento nunca inferior a 20 milhões de euros, mas os encarnados garantiriam um elemento que pode perfeitamente alcançar o mesmo mediatismo e dimensão do craque português. Olmo é um 10 quase à antiga, que consegue juntar à sua enorme qualidade técnica e visão de jogo uma capacidade muito interessante na finalização, podendo por isso ser o substituto direto de Félix no 11.

O espanhol de 21 anos torna simples o que parece difícil, sendo comum vê-lo rodeado de vários adversários e mesmo assim ter o discernimento e a capacidade de decidir bem, seja através do passe, drible ou manutenção da posse de bola. Na época que agora finda, apontou 12 golos e fez 9 assistências em todas as competições, ajudando o Dinamo Zagreb a garantir mais um titulo croata e a chegar aos oitavos da Liga Europa.

Será Dani Olmo o substituto ideal de Félix? Aleksandar Mitrovic

A generalidade da imprensa nacional dá como certa a aquisição de Raúl de Tomás junto do Real Madrid, mas Mitrovic seria certamente um nome com maior impacto. Sendo um jogador menos móvel que o espanhol, Mitrovic destaca-se pela maneira como se impõe contra qualquer central, fazendo valor o seu poderio físico e a sua enorme capacidade no jogo aéreo. Tendo o Benfica um ponta de lança como Seferovic, que tem na velocidade e mobilidade as suas mais valias, a aquisição de um homem de área como o sérvio seria algo a considerar seriamente.

Mitrovic tem contrato até 2023 com os ingleses do Fulham, mas a descida de divisão dos cottagers pode facilitar as negociações pelo panzer que já passou pelo Newcastle e pelo Anderlecht. Na época passada, o avançado de 24 anos apontou 11 golos em 37 partidas na Premier League.

A capacidade física de Mitrovic faria mossa na Liga Nos

The post 5 Reforços para um Benfica Europeu appeared first on Fair Play.

Franck Bambock promete lutar e defender o símbolo do Marítimo

Diário de Notícias - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 18:01

O médio franco-camaronês Franck Bambock, o mais recente reforço do Marítimo (conforme já havia avançado o DIÁRIO), garantiu hoje que vai lutar e defender o símbolo do clube madeirense da I Liga portuguesa de futebol.

Em declarações à MarítimoTV, o jogador contou o seu percurso, desde o Paris Saint-Germain às duas passagens por Espanha, ao serviço de Huesca e Córdoba, sem esquecer os holandeses do Sparta de Roterdão, e, por fim, os israelitas do Maccabi Petah Tikva, antes de deixar uma mensagem sobre o seu novo clube.

“Estou muito contente por estar no Marítimo nos três próximos anos. A única coisa que posso prometer aos adeptos é defender a camisola, defender o símbolo e lutar por este clube até ao fim”, afirmou.

Franck Bambock é o terceiro reforço anunciado pelo Marítimo para a temporada 2019/20, após o extremo luso-angolano Erivaldo e o defesa central sérvio Dejan Kerkez.

Porto Beach Rugby 2019: as EBRA Series na Praia Internacional do Porto

Fair Play - Sex, 21/06/2019 - 17:45

Dia 22 de Junho de 2019 marca o início da época dos Beach Rugby em Portugal e começamos logo com dois torneios diferentes: o Porto Beach Rugby, inserido nas EBRA Series (a entidade que tutela os torneios oficiais da variante de 5), e o Ericeira Beach Rugby, um dos mais históricos eventos dos areais portugueses.

Antes de começarmos a falar sobre o evento a realizar nos dias 22 e 23 de Junho na Ericeira, é necessário apontar que não há circuito nacional de Beach Rugby definido para 2019, mas o Fair Play fará uma contagem de pontos entre os torneios da variante existentes neste ano e no final lançará o ranking nacional!

26 ANOS, 150 JOGOS E ETAPA DAS EBRA SERIES

O Porto Beach Rugby é um dos torneios “ancestrais” da variante e que teve o seu pontapé ou, melhor, ensaio de saída em 1993 pela mão do director da organização actual, Nuno Gramaxo, com Henrique Rocha e Vera Roquette. Desde então o torneio passou por vários momentos, desde de uma etapa-rainha do Circuito Nacional de Beach Rugby para o cair no esquecimento que só durou até 2014 altura em que o torneio voltou a ganhar forças e passou até a integrar no calendário das EBRA Series.

Perante esta história e contraste de um passado rico e importante para o Rugby Português que a etapa portuense volta a marcar presença no Circuito Europeu da EBRA, conseguindo ter dentro da competição senior masculina e feminina um total de 18 equipas participantes, divididas por vários países como a Selecção da Letónia, as espanholas do Pinguinas Rugby Burgos, a Selecção de Curaçao.

A somar a esta presença de atletas estrangeiros no torneio, teremos também homens do “apito” de outras nacionalidades como da Argentina, Holanda ou Malta, provando que os torneios de rugby de praia conseguem captar um interesse forasteiro de alto nível.

Curaçao volta a estar presente nos torneios portugueses, depois de ter participado em 2017 e 2018, munido de um rugby pujante, rápido e bem divertido que mexe com as areias de uma forma intensa.

CANDIDATOS, EQUIPAS E MUITO MAIS

Contudo, não serão os grandes candidatos ao título de campeão do Porto Beach Rugby já que esse papel deve cair nas mãos do CDUL, uma das equipas mais experientes e dedicadas ao Circuito Nacional, campeã em 2017 e 2018 do Circuito Nacional da variante e com os olhos postos para consegui-lo de novo em 2019. Fisicamente um dos conjuntos mais difíceis de abater, impulsionado por uma forma de jogar dominante, fisicamente letal e com aquele capricho de mexer com os areais como poucos.

Na competição feminina não vamos ter nem SL Benfica ou o Sporting CP, abrindo caminho para que a lendária formação do Sport Rugby consigam chegar ao título, apesar de terem pelo caminho uma equipa “desconhecida” das Portugal Flowers, as Pinguinas Rugby Burgos (as equipas espanholas costumam ser aficionados pelo Beach Rugby) ou a equipa do CR São Miguel.

Ou seja, candidatos assumidos, CDUL e Sport, a “correrem” por fora Curaçau, Pinguinas ou CDUP (atenção ao conjunto masculino a equipa que compete na Divisão de Honra, que apresentará artilharia pesada, como os Macedo, Figueiredo ou Rodrigues) e isto só nos masculinos, pois durante todo o fim-de-semana vão ter lugar competições juvenis que começam dos sub-8 aos 16 e ainda um torneio de veteranos (duas equipas do CDUP, outra equipa portuense e ainda uma Private Team, desconhecida e misteriosa), tudo a acontecer entre os dias 22 e 23 de Junho na Praia Internacional do Porto.

Os jogos começam sábado às 11h30 e vão até Domingo às 18h45 com a realização da final da Cup, a principal taça do torneio e que vai dar pontos valiosos na luta pelo EBRA Series (uma equipa só está qualificada para o Ranking se participar em pelo menos em dois torneios da instituição que gere todo o rugby de praia), naquilo que tem dado um chamariz importante a esta etapa do rugby português de praia.

Recapitulando… séniores masculinos: CDUL, SL Benfica, CDUP, Sport Rugby, Curaçao, APJR, Braga Rugby, CR São Miguel, Agrária e Sunfox; séniores femininos: Sport Rugby, Portugal Flowers, Selecção Letónia, Pinguinas Rugby Burgos, CR São Miguel, Tondela Rugby, Agrária, Algarve Sharks; formação: Sport Rugby, Sport Porto, ERP, Braga, CDUP, Dutch Barbarians, ER Trofa, GRUFC, MRC Bairrada, ER São João da Talha, RC Santarém, Cercarte, CDUP (divididos pelos sub-16/14/12/10/8/6).

E prémios? O Prize Money final está à volta dos 1500€ que será dividido para o vencedor e finalista tanto sénior masculino como feminino, dando aqui uma motivo atractivo importante mas não decisivo, já que o que interessa em definitivo neste Porto Beach Rugby é participar e dar imagem forte que a variante de praia em Portugal tem lugar de tal forma que vamos ter duas etapas a decorrer ao mesmo tempo em diferentes locais, com várias escolas e clubes de rugby a marcar presença com jovens atletas que vão desde os 6 anos até aos 60 e muitos.

O Porto Beach Rugby começa dia 22 de Junho às 11h30 na Praia Internacional do Porto, celebrando também com uma exposição sobre as 26 edições deste evento que marca a agenda desportiva da cidade do Porto!

Foto: Porto Beach Rugby

The post Porto Beach Rugby 2019: as EBRA Series na Praia Internacional do Porto appeared first on Fair Play.

Andebol: Liga dos Campeões vai ter duas equipas portuguesas pela primeira vez

TSF - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 15:33
Em entrevista à TSF, Rui Guimarães garante que "este é o melhor ano de sempre do andebol português".

Mau tempo cancela Red Bull Cliff Diving nos Açores

TSF - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 14:25
Os alerta amarelo do IPMA para os grupos central e oriental do arquipélago obrigaram ao cancelamento da etapa desta sexta-feira da prova de saltos para a água.

Atletas madeirenses participam este fim-de-semana nas Finais Nacionais de Florete, em Anadia

Diário de Notícias - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 12:02

A Madeira participa este fim-de-semana, nas Finais Nacionais de Florete, em Esgrima, que decorre em Anadia, no distrito de Aveiro.

Na manhã deste sábado, 22 de Junho, estarão em pista os Benjamins Miguel Barata, Diogo Machado e Lourenço Garcês (do CD 1.ºMaio). À tarde, será a vez dos Iniciados Femininos Cláudia Gomes (CDRSantanense – 1.ª do Ranking Regional e 3.ª do ranking nacional) e Sara Mota (CD 1.ºMaio, 3.ª do Ranking Regional e 9.ª do ranking Nacional).

Logo de seguida a pista pertencerá aos Iniciados Masculinos João Faria, da ADR Ponta Delgada, (1.º do Ranking Regional e 7.º do Ranking Nacional), José Freitas, do CDR Santanense (que ocupa a 2.ª posição do ranking regional a 5.ª do ranking nacional), assim como os atletas do CD 1.º Maio, Rodrigo Pereira, Lourenço Nóbrega, Rodrigo Catanho e Guilherme Freitas.

Para domingo, 23 de Junho, será a vez dos Cadetes Masculinos Diogo Gouveia e Mateus Nóbrega entrarem em prova, assim como os Cadetes Femininos Laura Freitas, do CD 1.ºMaio e todos os atletas Iniciados que irão jogar no escalão acima.

À tarde, a prova será dos atletas Infantis do CD 1.ºMaio, Rodrigo Catanho (1.º do Ranking Regional e 3.º do Nacional) e Guilherme Freitas (2.º do Ranking Regional e 10.º Nacional).

Uruguai e Japão empatam em grande jogo com quatro golos

TSF - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 11:51
A equipa asiática, convidada da Copa América, surpreendeu a turma liderada por Luís Suarez e Edison Cavani.

Fernando Torres pendura as chuteiras. "Chegou o momento"

TSF - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 11:40
O avançado espanhol de 35 anos usou as redes sociais para anunciar o fim da carreira de futebolista.

AD Machico participa no Encontro Nacional de Minis Voleibol

Diário de Notícias - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 11:05

A equipa de minis femininos da Associação Desportiva de Machico (AD Machico) partiu hoje para o Porto, onde participa este sábado, 22 de Junho, no Encontro Nacional de Minis em femininos, representando a Região Autónoma da Madeira.

A Associação Desportiva de Machico volta assim a participar numa competição nacional da modalidade, a qual dominou durante alguns anos, no final da década de noventa.

O encontro irá decorrer amanhã no Pavilhão Desportivo Municipal de Vila Nova de Gaia às 10 horas.

Frank Bambok reforça Marítimo

Diário de Notícias - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 10:39

O médio Frank Bambok é o mais recente reforço do Marítimo. Trata-se de um jogador natural dos Camarões e formado no Paris Saint Germain e com passagens pelo Huesca de Espanha, pelo Córdoba e do Sparta Rotterdam. Na ultima temporada alinhou nos israelitas do Maccabi Petah Tikva.

Atleta madeirense Marcos Freitas será porta-estandarte de Portugal nos II Jogos Europeus

Diário de Notícias - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 10:36

A cidade de Minsk, na Bielorrússia, acolhe, entre hoje, 22 de junho e o dia 29, a competição de Ténis de Mesa dos II Jogos Europeus, que inclui provas de Equipas e Singulares.

Nesta segunda edição, a comitiva de Portugal irá participar com 98 atletas, representantes de 13 modalidades, num evento com representação de 15 modalidades olímpicas.

O atleta madeirense Marcos Freitas foi o escolhido para porta-estandarte da Missão de Portugal na Cerimónia de Abertura, que acontece hoje à noite, às 20 horas, em Minsk.

Relembre-se que Marcos ajudou Portugal a ganhar a medalha de ouro na competição por equipas, há quatro anos, nos primeiros Jogos Europeus, em Baku (Azerbaijão), juntamente com Tiago Apolónia e João Geraldo. O atleta madeirense do TTC Fakel Gazprom, foi um dos qualificados para o evento, ocupando o 11.º lugar na lista de cabeças-de-série, juntamente com João Monteiro (Sporting C. Portugal) e Tiago Apolónia (FC Saarbrücken). A formação portuguesa, actual detentora do troféu da competição de equipas, irá tentar revalidar o título conquistado e assegurar um lugar na próxima edição dos jogos olímpicos.

Na delegação de Portugal encontra-se também Fu Yu (Dr. Časl) e Shao Jieni (Ala de Gondomar), que irão participar na competição de Singulares Femininos. A atleta Fu Yu, na qualidade de oitava cabeça de série, tentará fazer melhor que o 17.º lugar de Baku, lutando pelo apuramento direto para a competição de singulares em Tóquio 2020.

Os três primeiros classificados da competição de singulares, em ambos os sexos, serão automaticamente qualificados para a edição dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, enquanto, nas equipas, apenas as formações vencedoras garantirão o apuramento para Tóquio.

A competição de singulares terá lugar entre 22 e 26 de Junho, enquanto a competição por equipas será disputada entre os dias 27 e 29 de Junho.

Jorge Jesus orientou primeiro treino no Flamengo, pediu “compromisso” e deu ‘lição’

Diário de Notícias - Desporto - Sex, 21/06/2019 - 02:11

O treinador português Jorge Jesus iniciou hoje a ‘aventura’ na equipa de futebol do Flamengo, pedindo aos jogadores “compromisso” em prol do conjunto do Rio de Janeiro, antes de orientar o primeiro treino dos ‘rubro-negros’.

“O mais importante aqui dentro é o Flamengo. Não é o treinador, nem o jogador. Temos de ter todos um compromisso de equipa. Neste clube, não se pode falar de outra maneira. É ganhar, ganhar, ganhar”, afirmou Jesus, na primeira reunião que teve com o plantel e que foi possível observar num vídeo divulgado pelo Flamengo.

Pouco depois, Jorge Jesus orientou a primeira sessão ao serviço do ‘Mengão’, no centro de treinos da equipa, conhecido como ‘Ninho do Urubu’.

Além de ter acompanhado os atletas no aquecimento inicial, o técnico português, de 64 anos, voltou a dirigir-se ao plantel, já em pleno relvado, para explicar o que define um bom jogador.

“A primeira qualidade de um jogador tem de ser saber pensar o jogo, a segunda, é saber decidir e só depois é que vem a execução. A execução não vem antes disto tudo. Para executar bem, tenho de saber pensar o jogo e decidir”, transmitiu Jesus aos jogadores.

Após o primeiro de dois treinos diários, o avançado Éverton Ribeiro falou em conferência de imprensa e considerou que o primeiro contato com Jorge Jesus “foi muito positivo, teve muito impacto”.

“Foi bom mostrar o estilo dele logo no primeiro dia. É um treinador exigente, que pede intensidade no treino. É um vencedor, muito didático e temos tudo para crescer com ele. O Flamengo é que tem a ganhar com isso”, referiu Éverton Ribeiro.

A estreia oficial de Jorge Jesus ao comando da formação ‘carioca’ está marcada apenas para 10 de julho, diante do Athletico Paranaense, para os quartos de final da Taça do Brasil.

Neste momento, as competições brasileiras estão paradas devido à realização da Copa América, que se prolonga até 07 de julho.

Raúl González vai treinar a equipa B do Real Madrid

TSF - Desporto - Qui, 20/06/2019 - 21:05
Antigo avançado espanhol representou os merengues entre 1994 e 2010.

Jesus no Flamengo: "ganhar", correr e explicar as três qualidades do jogador

TSF - Desporto - Qui, 20/06/2019 - 20:14
Técnico português orientou os jogadores no relvado pela primeira vez e já começou a explicar a sua filosofia.

Palocevic emprestado pelo Nacional a clube sul-coreano

Diário de Notícias - Desporto - Qui, 20/06/2019 - 18:42

O Nacional cedeu a título de empréstimo o médio Aleksander Palocevic ao Pohang Steelers, 7.º classificado da K-League 1, a liga principal da Coreia do Sul.

O anúncio foi feito hoje pelo clube sul-coreano, que também apresentou um outro reforço, o russo Stanislav Iljutcenko, que alinhava no Duisburgo, da Alemanha.

Palocevic, que chegou ao Nacional na época passada proveniente do Arouca, era um dos jogadores com contrato que o clube madeirense não contava para a próxima temporada.

Borussia de Dortmund a apostar forte no mercado, estará mais próximo do Bayern?

Fair Play - Qui, 20/06/2019 - 16:47

Depois de uma época em que a luta foi taco a taco entre o Bayern de Munique e o Borussia de Dortmund, ficou o amargo de boca para a equipa que veste de amarelo e preto, na medida em que teve o pássaro na mão e deixou-o voar perante uma equipa bávara que esteve, em muitas partes da época, abaixo daquilo que sabe e pode fazer.

Ainda assim, foi uma grande melhoria em relação às últimas épocas, em que o Bayern praticamente não teve oposição. Como resposta imediata, o Borussia já fez várias movimentações no sentido de retocar o seu plantel, e definitivamente já o melhorou dada a qualidade/valor gasto.

As contratações já garantidas e para que lugares chegam

Já foram adquiridos Thorgan Hazard, Julian Brandt, Nico Schulz e Mats Hummels, todos com tremenda experiência de equipas da metade superior da Bundesliga, muitos do Top 5 inclusive, muitos jogos realizados no principal campeonato alemão, todos com imensa qualidade e todos estarão, certamente, entre o onze titular e a sua utilização enquanto décimo segundo jogador.

Julian Brandt traz juventude e irreverência ao ataque dos amarelos, sendo uma autêntica pechincha por 25 milhões de euros a sua contratação, retirando uma das principais armas ao Bayer Leverkusen na luta pelos lugares de topo. Mats Hummels traz a experiência e qualidade que a defesa tão nitidamente precisava, visto que Manuel Akanji e Abdou Diallo são boas opções, mas jovens e ainda propensos a cometer muitos erros individuais. Hummels regressa assim a uma casa que bem conhece para ter ainda duas/três épocas ao mais alto nível e, tendo conhecimento por dentro do Bayern, poderá ter algum conhecimento útil para o balneário do Dortmund contrariar a superioridade bávara. Foi a última contratação confirmada e vejamos se fica por aqui, o que é pouco provável. 

Mats Hummels é um dos grandes destaques até ao momento do mercado, retornando a um clube onde já foi muito feliz como capitão de equipa (Foto: Trivela)

Nico Schulz é também um upgrade a Marcel Schmelzer, que parece estar já no sentido descendente da carreira, e Raphaël Guerreiro tem bastantes problemas físicos, além de nem serem tão raros os jogos em que o português joga noutras posições dada a sua qualidade de passe e capacidade de trabalho. Há ainda a forte possibilidade de Guerreiro rumar a outras paragens. Schulz é o jogador certinho, que não arrisca muito mas não compromete, sendo essencialmente consistente, atributo que poucos jogadores vão tendo nos dias de hoje, ainda por cima lateral esquerdino, alemão, ganhando destaque na Maanschaft.

Thorgan Hazard será, possivelmente, o backup de Marco Reus enquanto organizador de jogo, dando outro perfume à circulação de bola e chegando muito bem perto da área para finalizar. Dê-se todo o mérito a Thorgan pela carreira estável que tem vindo a conseguir construir, mesmo tendo o irmão Eden que está nas bocas do mundo e que, naturalmente, desperta muitas comparações.

Marco Reus é aquele jogador que será sempre sinónimo de Borussia Dortmund, permanecendo sempre quando as principais estrelas abandonaram o clube, é já uma lenda no ‎Westfalenstadion, sendo até curioso perceber se alguma vez o alemão vai abandonar as hostes de um clube que o salvou e que teve confiança nele após tantas lesões, um clube onde é uma lenda e capitão de equipa.

As vendas e o confirmar da contratação definitiva de Paco

O maior mérito do Borussia passa por ter conseguido contratar, em valores estimados, os quatro jogadores mencionados por valores entre os 100 e os 110 milhões de euros, algo fantástico perante o valor que os mesmos oferecem e a inflação do mercado nos dias de hoje. Além disso, o Borussia, em net spend, apenas terá de despender cerca de 30 a 35 milhões de euros com estas contratações, dada a fantástica venda de Christian Pulisic, um elemento que nem era indiscutível, ao Chelsea por valores a rondar os 65 milhões de euros e ainda a venda de Alexander Isak, prodígio sueco de 19 anos, à Real Sociedad por 6,5 milhões de euros. Esta última poderá ter sido um erro mas a verdade é que o jovem ponta de lança ainda pouco provou e teria poucas oportunidades em Dortmund, mesmo perante uma segunda boa metade de temporada no Willem II, da Eredivisie. Em Espanha, poderá fazer estragos e, ainda assim, deu lucro aos cofres do Borussia.

O Borussia optou ainda por acionar a cláusula de Paco Alcácer, fixada em 21 milhões de euros, opção acertada face ao tremendo impacto que o espanhol teve esta época, no entanto uma opção arriscada porque resta perceber que o ponta de lança mantém o nível exibicional, mesmo sabendo que partirá do banco de suplentes várias vezes. Um golo a cada 86 minutos em todas as competições e um golo a cada 67(!) na Bundesliga é quase uma média à la Ronaldo ou à la Messi, e a verdade é que Alcácer fez uma primeira metade de temporada soberba, na qual quebrou o recorde de golos apontados em jogos consecutivos a partir do banco na Bundesliga e apontou 12 golos na primeira volta, apontando mais  seis na segunda metade de 18/19.

Paco Alcácer foi uma espécie de arma secreta apontada aos adversários do Borussia, a expectativa é a mesma para a próxima temporada (Foto: saudigazette)

Dezanove golos foram, definitivamente, uma boa forma de o espanhol reavivar a sua carreira, que estagnou drasticamente em Barcelona, e veremos se será mais utilizado como titular ou a opção continuará a recair muitas vezes em Mario Götze ou até Marco Reus como homem mais adiantado. Não descartar também a hipótese de um transferência para a posição.

A dúvida: Ficará Jadon Sancho no Borussia de Dortmund?

Jadon Sancho é já um caso aparte daquilo que é a generalidade dos jogadores ingleses, que nem sempre se dão muito em fora do Reino Unido. Neste caso, Sancho é já uma absoluta estrela aos 19 anos, em apenas uma época e meia tornou-se o jogador mais valioso da Bundesliga e já é presença habitual na seleção A inglesa.

O céu é o limite para um extremo com uma impressionante qualidade de drible, uma explosão que está ao nível de poucos e ainda provou que é capaz de juntar números astronómicos no campo dos golos e das assistências (13 golos e 19 assistências) esta época.

Jadon Sancho tem a mítica 7 nas suas costas e está a carregar o manto de uma forma fantástica até ao momento. Teremos jogador para o top dos melhores na próxima década? (Foto: Getty Images)

Quem sabe o que poderia ter feito no Manchester City de Guardiola? A verdade é que, agora, Sancho é a principal coqueluche do Dortmund e interesse no jovem não falta, principalmente de equipas do seu país natal (Manchester United à cabeça). Nesta altura, se Sancho fosse vendido, seria um negócio absolutamente assombroso para os lados de Dortmund, mas a melhor opção para o extremo é mesmo continuar numa equipa competitiva, que luta por títulos e onde poderá ser a estrela e crescer ainda mais, visto que apenas ainda tem uma época e meia ao mais alto nível.. Certamente que vai ser um jogador na discussão dos melhores do mundo a médio/longo prazo.

19/20 será o ano do Borussia?

Nota-se claramente o dedo de Lucien Favre neste Borussia renovado, sendo que o técnico já recebeu um aumento de confiança ao renovar pelo clube. Cada vez mais as opções são à sua imagem, proporcionam uma renovação no plantel e uma implementação segura de um futebol positivo e recheado de golos, o investimento neste mercado de transferências tem sido forte. Na temporada passada, ficou muito perto de garantir a reconquista do título que escapa há sete anos para o sul da Alemanha. Perante um Bayern com muitos jogadores em fim de ciclo e em renovação, quem sabe se não poderá ser 19/20 o ano do Dortmund? 

The post Borussia de Dortmund a apostar forte no mercado, estará mais próximo do Bayern? appeared first on Fair Play.

O luso-caboverdiano Yorgan de Castro é a nova sensação do MMA mundial! Entre e saiba mais…

Fair Play - Qui, 20/06/2019 - 16:46

Domingos Barros ficou de fora do ultimo evento do Bellator MMA, por contusão de seu adversário, e enquanto não marcam sua próxima luta, temos uma surpresa para os fãs do MMA. Uma seletiva levou um lutador nascido em Cabo-Verde diretamente ao UFC.

Neste mês de Junho, um lutador Luso-Caboverdiano entrou em uma seletiva chamada, Dana White’s Contender Series e brilhou, nocauteou e impressionou o ”chefe” Dana White.

Vamos entender um pouco o que está acontecendo. Quem é o lutador que está nos representando muito bem? Que seletiva é essa? E o que Dana White o chefão do UFC tem a ver com tudo isso? Fonte: Cageside Press

Yorgan de Castro, nascido em Cabo-Verde em 1987 teve uma infância difícil, cresceu entre 4 irmãos e a mãe. Logo com 18 anos, em busca de uma vida melhor, chegou em Portugal e foi aqui que ele descobriu que tinha um talento, o Kickboxing.

Seguindo as dicas do tio, irmão de sua mãe, De Castro hoje vive nos Estados Unidos, com seus parentes e familiares em Fall River, Massachusetts, aonde representa a academia Regiment Training Center.

O peso-pesado vem obtendo bons resultados na carreira profissional, na verdade ele está invicto com 5 vitórias…

Mostrando ser muito versátil, De Castro vinha de 4 vitória em eventos de menor expressão, e cada uma dessas vitórias de uma maneira diferente.

Sua primeira participação como profissional, foi no CES 47(Classic Entertainment & Sports MMA). Aonde derrubou seu oponente no solo logo no primeiro round e ali o deixou!

Depois disso no CES 50 venceu David White com socos no terceiro round.

Convidado para participar de uma luta de pesos-casados no NEF 36(New England Fights), Yorgan não demorou a nocautear Ras Hylton no primeiro round.

E antes de fazer a luta pelo Contender Series, o luso-caboverdiano venceu Carlton Little por decisão unanime dos Juizes no começo de 2019 no CES 54.

Com todas essas vitórias contundentes e dentro de 01 ano, Yorgan de Castro foi convidado por Dana para fazer parte do Contender Series que teve neste mês de Junho, mais especificamente no dia 18.

Yorgan não decepcionou e nocauteou Alton Meeks ainda no primeiro round com uma chuva de chutes em suas pernas.

Caçadores de talentos!

Sempre que pode, o UFC encabeça seletivas, que não necessariamente influenciam nos cards da organização, mas é uma espécie de peneira para futuros contratos para lutas oficiais UFC.

Assim como fez no The Ultimate Fighter o Contender Series é a nova seletiva comandada pelos donos do UFC, em buscas de novos talentos.

Uma vitória no Contender não é a certeza de que o lutador vai ganhar um contrato com a organização UFC. Já vimos muitos lutadores vencendo mas não agradando.

Não foi isso que aconteceu com Yorgan. Nosso lutador luso-caboverdiano lutou bem e agradou Dana White que nessa semana sinalizou um contrato para o lutador.

Esperamos que a estreia de Yorgan de Castro seja em breve e que um representante da terrinha chegue logo ao cinturão mais desejado do planeta.

Fonte: MMA Fighting

The post O luso-caboverdiano Yorgan de Castro é a nova sensação do MMA mundial! Entre e saiba mais… appeared first on Fair Play.

Funchal Sky Race leva Skyrunning às montanhas mais altas do Funchal

Diário de Notícias - Desporto - Qui, 20/06/2019 - 13:24

Realiza-se no próximo sábado, 22 de Junho, a 5.ª edição do Funchal Sky Race, um evento de promoção da modalidade Skyrunning que decorre na montanhas mais altas do Funchal, com partidas e chegadas no Chão da Lagoa, junto à Casa do Burro.

O evento tem duas distâncias, a prova principal com 22km e 1300m de desnível positivo, que faz um circuito entre o Chão da Lagoa, o Pico do Areeiro, a Casa do Barreiro, a Ribeira das Cales e termina junto à Casa do Burro. A segunda distância em disputa percorre 11km numa ida e volta ao Pico do Areeiro, a partir do Chão da Lagoa.

A modalidade Skyrunning apresenta características especiais, como desníveis acentuados, trilhos de piso irregular e algumas passagens sobre rocha, em alguns casos os participantes têm pequenas passagens de escalada de baixa dificuldade.

À partida, no conjunto das duas distâncias, estarão 132 skyrunners, desde juvenis a veteranos com 60 anos.

Programa

Sábado, 22 Junho 2019 – Dia do evento – Funchal Sky Race

8h30 – Partida Funchal Sky Race 22km 1300m D+ (Casa do Burro)

9h30 – Partida Funchal Mini Sky Race 11km 550m D+ (Casa do Burro)

10h00 – Previsão Chegada dos primeiros atletas da FX MSR 11km

10h50 – Previsão Chegada dos primeiros atletas da FX SR 22km

13h30 – Cerimónia de Entrega de Prémios

Páginas