Agregador de notícias

Município de Setúbal adere ao Portugal a Nadar

Chlorus - Ter, 19/02/2019 - 12:10

A adesão ao “Portugal a Nadar”, programa de âmbito nacional da Federação Portuguesa de Natação destinado a melhorar as condições de prática desportiva das várias disciplinas da natação, foi uma das deliberações da Câmara Municipal de Setúbal na reunião pública de dia 6 de fevereiro, lê-se no site da autarquia.

O “Portugal a Nadar”, do Plano Estratégico 2014-2024 da Federação Portuguesa de Natação, aponta à massificação da prática de natação com qualidade e, para esse efeito, disponibiliza um conjunto de programas de ensino, para diferentes públicos, devidamente certificados e inclusivos.

Neste âmbito, foi criado um modelo de referência para o ensino, com características adequadas ao desenvolvimento do processo de ensino-aprendizagem da natação, que envolve as várias disciplinas aquáticas, concretamente a natação pura, a artística e a adaptada, bem como o polo aquático.

Já o processo de certificação técnico-pedagógica das escolas de natação segue metodologias de análise definidas pela Federação Portuguesa de Natação, com vista à melhoria contínua do ensino, à implementação de boas práticas e à promoção da natação de uma forma estruturada e regulada.

A adesão de Setúbal ao “Portugal a Nadar”, destaca a deliberação, “é do maior interesse para o desenvolvimento desportivo do concelho, sobretudo na modalidade de natação, disciplina que o município considera estratégica para a qualidade de vida, segurança e a saúde dos cidadãos”.

A Câmara Municipal de Setúbal, proprietária e gestora de um conjunto de instalações aquáticas, é, desde há muitos anos, parceira da Federação Portuguesa de Natação para a organização de um conjunto de ações e eventos, no qual se destaca, desde 2006, a Taça do Mundo de águas abertas.

Neste sentido, reforça o documento, a autarquia “considera fundamental para o desenvolvimento social e desportivo do concelho de Setúbal, o reforço da quantidade e da qualidade das parcerias com as diversas organizações desportivas nacionais e internacionais”.

A adesão do município de Setúbal ao programa “Portugal a Nadar” motiva a filiação de todos os praticantes de atividades náuticas a frequentar escolas de natação camarárias na Federação Portuguesa de Natação, cujo valor por utente filiado é de 50 cêntimos, a pagar anualmente à federação.

Compete ainda à autarquia promover e efetuar a gestão da implementação de projetos específicos de desenvolvimento da natação nas várias disciplinas, bem como da formação de diversos agentes desportivos, assim como facilitar as condições necessárias para a realização de publicidade.

Já à Federação Portuguesa de Natação compete divulgar e implementar o “Portugal a Nadar” entre 7 de fevereiro e 31 de dezembro, zelar pelo cumprimento dos benefícios a usufruir pelo município pela adesão ao programa e disponibilizar o plano anual e critérios de acesso à formação profissional para técnicos.

Entre outros, a Federação Portuguesa de Natação deve apoiar técnica e institucionalmente a organização de eventos nacionais e internacionais e disponibilizar conteúdos de interesse para a promoção e desenvolvimento das várias disciplinas da natação, associando a modalidade ao município.

A adesão ao programa “Portugal a Nadar” motiva a celebração de um protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal de Setúbal e a Federação Portuguesa de Natação, que entra em vigor a partir da data de assinatura e é válido pelo período de um ano, sucessivamente renovável.

O conteúdo Município de Setúbal adere ao Portugal a Nadar aparece primeiro em Chlorus.

Categorias: Natação Nacional

Portugal a Nadar: Piscinas de Campanhã receberam Festival de Natal da Dragon Force

Chlorus - Ter, 19/02/2019 - 11:27

O Complexo de Piscinas de Campanhã foi palco do Festival de Natal da Escola Dragon Force, entidade integrada na Associação de Natação do Norte de Portugal, que este ano obteve a certificação nacional da Federação Portuguesa de Natação, no âmbito do Programa Portugal a Nadar.

Mais de duas centenas de pessoas participaram no dia 15 de dezembro, na edição do Festival Aquático do Futebol Clube do Porto.

A iniciativa promoveu uma manhã com atividades diversas, como natação pura, com a Competição inter-Escolas “30 minutos a nadar”; jogos aquáticos adaptados às idades e grupos de crianças da escola e, ainda, a possibilidade de as crianças conviverem com os Encarregados de Educação em desafios como o Paddle aquático e o “mergulho”.

Rita Fernandes, responsável pela coordenação da escola de natação e gestão das atividades do complexo, realça o “enquadramento da FPN neste evento que serviu de pilar àquele que tem sido o objetivo da escola Dragon Force Natação: queremos mais crianças a nadar e a divertir-se na natação. O rigor, a formação e partilha de práticas e de metodologias são uma peça fundamental para o evoluir das práticas de ensino da nossa escola”. Comenta ainda que “a presença da mascote DRACO foi mais um apontamento que alimentou os sorrisos e fez a delícia de todos”.

O conteúdo Portugal a Nadar: Piscinas de Campanhã receberam Festival de Natal da Dragon Force aparece primeiro em Chlorus.

Categorias: Natação Nacional

Indonésia é candidata a organizar os Jogos Olímpicos de 2032

Diário de Notícias - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 10:58

A Indonésia, que organizou no verão de 2018 os Jogos Asiáticos, é candidata a organizar os Jogos Olímpicos de 2032, anunciou hoje o Ministério dos Negócios Estrangeiros do país.

De acordo com o ministério, o embaixador da Indonésia na Suíça, Muliaman Hadad, entregou na última semana no Comité Olímpico Internacional (COI), em Lausana, a candidatura, assinada pelo presidente indonésio, Joko Widodo.

“É um bom momento para mostra aquilo de que a Indonésia é capaz, como grande país”, disse Muliaman Hadad.

No último ano, na cerimónia de encerramento dos Jogos Asiáticos, o presidente indonésio já tinha demonstrado interesse nos Jogos Olímpicos, face ao êxito alcançado nos Jogos Asiáticos, o segundo maior evento desportivo.

Na corrida à organização dos Jogos de 2032 estão também as duas Coreias, como uma candidatura conjunta, e a Índia também demonstrou interesse, numa escolha que não será anunciada antes de 2025.

Japão, Coreia do Sul e China são os únicos países asiáticos que já organizaram os Jogos Olímpicos. A próxima edição regressa a Tóquio, em 2020, seguindo-se edições em Paris, em 2024, e em Los Angeles, em 2028.

É oficial: Luc Castaignos rescindiu com o Sporting

TSF - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 10:47
Luc Castaignos sai do Sporting sem conseguir marcar único golo.

Sporting rescinde contrato com Luc Castaignos

Diário de Notícias - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 10:36

O avançado holandês Luc Castaignos e o Sporting rescindiram o contrato que os ligava até ao final da temporada, anunciou hoje o clube da I Liga portuguesa de futebol, no seu ‘site’ oficial.

“A Sporting Clube de Portugal -- Futebol, SAD informa que chegou a acordo com o jogador Luc Castaignos, para a rescisão do seu contrato de trabalho”, lê-se no comunicado.

O holandês chegou ao Sporting em 2016/17, mas nunca se impôs nos ‘leões’, fazendo, nessa temporada, 13 encontros, nos quais não marcou qualquer golo.

Na última época, Castaignos, de 26 anos, esteve emprestado ao Vitesse, no qual fez 36 jogos e marcou três golos.

Em 2018/19, o holandês foi apenas utilizado em 40 encontros, somando cerca de meia hora de jogo na I Liga e 90 minutos na Taça de Portugal.

Madeira SAD vai defrontar o Dicken da Finlândia

Diário de Notícias - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 10:21

O Madeira Andebol SAD vai defrontar a a formação do Dicken da Finlândia dos quartos de final da Taça Challenge. 2018/2019. O sorteio que há pouco decorreu em Viena de Áustria, determinou que os madeirenses recebam no Pavilhão do Funchal nos dias 23 ou 24 de Março os finlandeses com a 2.ª mão a ter lugar oito dias depois. Um sorteio que assim coloca na frente dos madeirenses um adversário complicado que segue no segundo lugar no seu campeonato tendo na eliminatória anterior afastado o Berchen do Luxemburgo. Ainda assim a equipa da Região evitou algumas das mais fortes formações presentes neste sorteio. Numa curta reacção a este sorteio o técnico do Madeira SAD Paulo Fidalgo admite que ‘não foi mau de todo, pois existiam outras equipa bem mais fortes, mas sinceramente preferia ter o primeiro encontro fora. Vamos trabalhar para tentarmos superar mais este forte obstáculo”. Resta acrescentar que o alinhamento das meias-finais também foi ontem sorteado e caso o Madeira Andebol SAD siga em frente irá defrontar o vencedor do encontro entre o Dynamo Vitor da Rússia e o AEK de Atenas. As meias finais estão agendadas, 1.ª mão a 20 ou 21 de Abril e a 2.ª mão a 27 ou 28 de Abril.

Liga Europa: Quase tudo a favor do Benfica e contra o Sporting

Diário de Notícias - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 09:18

O Benfica e o Sporting decidem na quinta-feira o seu destino nos 16 avos de final da Liga Europa em futebol, com as ‘águias’ lançadas para o apuramento e os ‘leões’ em grandes dificuldades.

A formação ‘encarnada’ recebe o Galatasaray depois do primeiro triunfo de sempre na Turquia, por 2-1, enquanto o Sporting joga em Espanha - onde nunca ganhou, em 16 visitas - após um desaire por 1-0 na receção ao Villarreal.

Os comandados de Bruno Lage têm, assim, quase tudo a seu favor para seguirem para os ‘oitavos’ e manterem o pleno do Benfica nesta fase da prova, enquanto os do holandês Marcel Keizer têm quase tudo contra, precisando de fazer algo inédito na Europa.

A primeira equipa a entrar em ação é o Sporting, que, pelas 18:55 locais (17:55 em Lisboa), joga no Estádio de la Cerámica com a obrigatoriedade de marcar e ganhar, num país onde o máximo que conseguiu foi empatar, em três ocasiões.

O ‘enorme’ momento do médio Bruno Fernandes, que já leva 21 tentos em 2018/19, e o regresso aos tentos do avançado Bas Dost, que ‘bisou’ domingo na receção ao Sporting de Braga (3-0), dão, porém, algum alento aos ‘leões’.

A juntar a isto, o Sporting também deve beneficiar de diversas poupanças no ‘submarino amarelo’, que, depois do triunfo em Alvalade, venceu em casa o Sevilha por 3-0, mas ainda está na zona de descida da Liga espanhola, após 24 jornadas.

Ainda assim, foi também com um conjunto muito diferente do habitualmente utilizado em ‘La Liga’ que o Villarreal triunfou em Lisboa, graças a um tento de Pedraza, sendo que os espanhóis seguem pela primeira vez esta época com dois triunfos seguidos.

Por seu lado, o Sporting, que já não tem Nani, só venceu seis dos derradeiros 15 jogos, depois de ter arrancado a ‘era’ Keizer com sete triunfos consecutivos.

O favoritismo está, assim, do lado do Villarreal, até porque o Sporting, além de nunca ter triunfado em Espanha, só por uma vez, em 11, virou uma eliminatória que iniciou com um desaire em casa: em 2010/11, face ao Brondby (3-0 fora, após 0-2 em casa).

Se tudo parece ‘empurrar’ o Sporting para fora da Europa, pelo contrário, o Benfica está com ‘pé e meio’ nos oitavos de final, depois de sair do ‘inferno’ de Istambul com um triunfo por 2-1, graças a tentos de Salvio, que se lesionou, e Seferovic.

Mesmo com muitas poupanças e uma equipa muito jovem, com seis ‘miúdos’ da formação (Ferro, Rúben Dias, Yuri Ribeiro, Florentino, Gedson e João Félix), o Benfica ganhou avanço na Turquia e agora terá o fator casa a seu favor.

Em 2008/09, o Galatasaray venceu na Luz por 2-0, na fase de grupos da Taça UEFA, mas, uma década depois, tudo é diferente, sobretudo a parte psicológica, já que, agora, o Benfica sabe que até pode dar um golo de ‘avanço’.

Provavelmente de novo com várias alterações no ‘onze’ que, na I Liga, venceu na segunda-feira por 3-0 no reduto do Desportivo das Aves, o conjunto ‘encarnado’ vai tentar repetir o último embate caseiro com o ‘Gala’ (2-1, em 2015/16) e não o primeiro.

Em termos históricos, o Benfica também tem a seu favor o facto de só ter perdido uma eliminatória, das 19 que iniciou com triunfos fora, o que aconteceu há muito, em 1968/69, perante o Ajax, de Johan Cruyff, e num jogo de desempate.

O conjunto luso também tem clara vantagem na receção a turcos, com seis triunfos, um empate e uma derrota, sendo que nunca foi eliminado por qualquer clube desse país, e está muito moralizado, pois, desde a chegada de Bruno Lage, soma 10 vitórias e apenas uma derrota, polémica, na Taça da Liga, face ao FC Porto.

Os turcos, que viram o Benfica interromper-lhes uma série de 10 jogos sem perder, jogam na Luz depois de já terem regressado aos triunfos, no campeonato turco, com um 4-1 no reduto do Kasimpasa, embalado por um ‘hat-trick’ de Feghouli.

O encontro entre o Benfica e o Galatasaray tem início às 20:00, no Estádio da Luz, em Lisboa, enquanto o Sporting joga com Villarreal, no Estádio de la Cerámica, a partir das 18:55 locais (17:55 em Lisboa).

Futebol aumenta a probabilidade de lesões incapacitantes

Diário de Notícias - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 09:04

Joelhos, tornozelos e anca são as articulações mais afetadas pelos desportos de impacto elevado, como o futebol, e em que a única saída para ‘fintar’ a incapacidade passa, frequentemente, pela sua substituição total através de próteses.

Henrique Jones, médico especialista em medicina desportiva e ortopedia, explicou que a prática desportiva provoca uma “agressão mecânica” que, juntamente com a predisposição genética e lesões anteriores, formam uma “mistura explosiva”.

“A gonartrose, uma das lesões mais graves e prevalentes nos jogadores de futebol, é o desgaste da articulação do joelho, em que a cartilagem, que é o tecido protetor do joelho, se degrada completamente e muitas vezes desaparece, deixando o joelho sem proteção”, detalhou o médico, reconhecendo que pode provocar dor incapacitante, deformação do joelho, derrames e até mesmo dificuldades em andar.

O impacto sofrido pelas articulações, associadas à genética e ao aumento do peso no final da carreira, está ligado à incidência destas lesões altamente incapacitantes.

Perante esta leitura, o antigo médico da seleção portuguesa desenvolveu um estudo, tendo como amostra os internacionais das décadas de 1970, 80 e 90, e chegou à conclusão que existe uma percentagem “importante” que hoje tem graves problemas articulares.

Entre os mais de 200 atletas referenciados, o especialista em medicina desportiva revelou que mais de 30% já tem alterações graves nas suas articulações da anca ou do joelho, e quase 7% já tem próteses.

“Estes são dados que revelam que, entre os jogadores de futebol, existe uma prevalência deste tipo de lesões muito acima da registada na população em geral. Um ex-profissional de futebol tem cerca de cinco vezes mais tendência para ter artrose do que o cidadão comum, e tem duas a três vezes mais tendência a ter uma prótese do que um cidadão comum”, atestou.

Perante esta constatação, é fundamental que durante a carreira se deva sempre ter em conta o futuro, o que, admitiu, muitas vezes não acontece.

“A prevenção começa quando os atletas ainda estão no ativo. Se formos ver alguns atletas dos anos 1970, 80 e 90, as técnicas eram diferentes e muito mais amputadoras. O menisco, por exemplo, não era preservado, os suplementos de reforço ligamentar não eram os que temos hoje e havia um descuido no trabalho de ginásio e fortalecimento muscular. É natural que esses atletas tenham lesões graves, alguns deles inclusivamente sujeitos a substituições articulares por próteses”, referiu.

Além do problema médico, o ortopedista lembrou que há uma outra dimensão, tão ou mais grave do que a clínica, e que muitos desvalorizam: a social.

“Este é um problema social e psicológico, porque quando um atleta acaba a carreira as luzes da ribalta se apagam, os amigos vão-se embora e os médicos também se afastam. Por isso, sinto-me na obrigação de dizer que existe este problema e que estes atletas têm de ser apoiados, pois os que hoje precisam de ajuda são os mesmos que deram o seu contributo à seleção nacional e foi o futebol que lhes marcou as articulações”, advertiu.

Com a evolução da medicina, o antigo médico da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) notou a alteração dos protocolos de tratamento, nomeadamente no aumento do tempo de recuperação e na preservação de certas estruturas ligamentares, apesar de alguns aspetos serem imutáveis.

“Desde sempre, a primeira pergunta que um atleta faz ao médico quando se lesiona é “quando posso voltar a jogar?”. Isso é intemporal. Hoje em dia somos muito mais cautelosos, sobretudo em alta competição, e costumo dizer que a culpa da primeira lesão é derivada de fatores externos ou fatores intrínsecos ao atleta, mas a culpa de uma segunda lesão, caso não sejam respeitados os prazos de recuperação, já é de quem permitiu que o atleta regressasse”, rematou.

Miguel Oliveira pede “calma” aos portugueses antes da estreia em MotoGP

Diário de Notícias - Desporto - Ter, 19/02/2019 - 03:35

A menos de um mês na estreia em MotoGP, o piloto português Miguel Oliveira diz estar confiante numa boa época, mas considera pouco prudente pensar-se que pode lutar por vitórias já na época de estreia.

“Aqueles que pensam que vou começar já a ganhar em MotoGP não percebem bem o universo desportivo em que estou inserido. As expectativas têm de ser controladas. Vai ser um ano em que, provavelmente, não vai haver pódios ou vitórias, vamos ter de ir passo a passo, e levar as coisas com calma. Os portugueses têm de pensar da mesma forma e só posso pedir que tenham calma”, afirmou o piloto.

Miguel Oliveira, que tem passado as últimas semanas em testes com a equipa Tech3 KTM, confessa que tem estado “muito calmo”, embora assuma a vontade de começar já o campeonato.

“Os testes em Sepang correram muito bem, e esta semana parto para o Qatar com os olhos postos em desenvolver a mota, experimentar novas soluções, já com muita vontade de que comece o campeonato. Estamos cada vez mais competitivos, cada vez mais à vontade com a mota e espero que estes testes sejam positivos para perceber a capacidade de performance da mota em corrida”, disse o jovem piloto português.

Para a estreia no Qatar, o piloto de Almada gostaria já de terminar nos lugares que dão pontos, mas prefere, por agora, realçar o trabalho de desenvolvimento que está a ser feito.

“Nestes testes de Sepang acabei a três décimas dos dois pilotos oficiais KTM. Isso quer dizer que consigo andar tão bem como eles. São os primeiros testes e pode não indicar nada de especial, mas vou fazer por acontecer. Estou a agarrar esta oportunidade com unhas e dentes e o objetivo no contexto KTM é acabar sempre o mais perto possível dos pilotos principais da marca”, garantiu, assumindo que lhe custa passar do topo da corrida, como acontecia em Moto2, para uma época em que muito provavelmente vai andar na segunda metade do pelotão.

A estreia em MotoGP vai também significar que vai estar a correr contra alguns pilotos que até há poucos anos eram os seus ídolos. Miguel Oliveira confessa a admiração por Valentino Rossi, Jorge Lorenzo e Marc Marquez, mas sublinha que quando se cruzar com eles em pista vai querer levar a melhor.

“Espero que quando se cruzarem comigo fiquem nervosos. São adversários. É lógico que o facto de dizer isto não apaga o respeito e admiração que tenho por eles, mas dentro de pista não penso ficar atrás deles só porque os respeito”, concluiu.

Depois de ser vice-campeão do mundo em Moto3 e Moto2, Miguel Oliveira vai estar na próxima época ao serviço da equipa Tech3 KTM, envergando o número 88, depois de durante toda a carreira ter usado o 44.

A primeira prova do Mundial de MotoGP é no Qatar, a 10 de março, no Circuito Internacional de Losail.

Benfica vence na Vila das Aves (3-0) e volta a estar a um ponto do FC Porto

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 22:15

O Benfica venceu, hoje, no terreno do Desportivo das Aves, por 3-0 e voltou a reduzir a diferença para o líder, o FC Porto, para apenas um ponto. Seferovic (3), Rafa (36) e Ferro (59) marcaram os golos das águias.

Tenista Djokovic e ginasta Simone Biles vencem Prémios Laureus

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 22:07

O tenista sérvio Novak Djokovic e a ginasta norte-americana Simone Biles foram hoje distinguidos no Mónaco como atletas do ano (2018) nos Prémios Laureus, considerados como os óscares do desporto mundial.

Djokovic, de 31 anos, ultrapassou um período mais conturbado da sua carreira para conquistar no ano passado o torneio de Wimbledon e o US Open, ambos do Grand Slam, e fechar a época de novo como número um mundial.

Aos 21 anos, Simone Biles arrecadou quatro medalhas de ouro, uma de prata e outra de bronze nos Mundiais de ginástica artística de 2018, em Doha, tornando-se a primeira norte-americana a subir ao pódio em todos os eventos de um campeonato do mundo.

Já a seleção francesa de futebol, campeã do mundo no último verão, na Rússia, venceu o galardão para a equipa do ano, levando a melhor sobre os outros concorrentes: Mercedes (Fórmula 1), Real Madrid (futebol) e a equipa europeia da Ryder Cup (golfe).

O treinador francês Arsène Wenger recebeu o prémio carreira pelo período de 22 anos passado no comando da equipa de futebol do Arsenal, da primeira divisão inglesa.

Por seu turno, o golfista Tiger Woods ganhou a distinção de regresso do ano, enquanto a esquiadora norte-americana Lindsey Vonn, que anunciou recentemente a sua retirada de competição, venceu o troféu do espírito do desporto.

O alpinista chinês Xia Boyu, amputado das duas pernas, recebeu o prémio para o momento desportivo do ano pela sua conquista do Monte Evereste.

Bilhetes para Marítimo-Sporting entre os 25 e os 80 euros

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 21:00

O Marítimo anunciou hoje que os preços dos bilhetes para a receção ao Sporting de 25 de fevereiro, da 23.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, vão variar entre os 25 e os 80 euros.

Os ingressos que custam 25 euros destinam-se às bancadas norte e sul, 40 para a bancada nascente e 80 para os adeptos que queiram ficar nos camarotes enquanto os sócios com quotas em dia terão entrada gratuita.

O emblema madeirense informou ainda que os bilhetes podem ser adquiridos na loja do Estádio do Marítimo e também na loja no complexo do clube ‘verde-rubro’, em Santo António.

A partida entre Marítimo e Sporting está marcada para a próxima segunda-feira, 25 de fevereiro, com o apito inicial marcado para as 19:00.

Swim Challenge Cascais 2019 a 26 de maio

Chlorus - Seg, 18/02/2019 - 20:47

A organização da Swim Challenge Cascais 2019 anunciou que a data do evento será no dia 26 de maio.

As provas do Swim Challenge decorrem na Praia da Duquesa, em plena baía de Cascais,

As provas principais são de 1,9 km e 3,8 Km e são abertas a todos, onde é permitido o uso de fato isotérmico. A passagem entre voltas e a meta encontram-se posicionadas fora de água, onde o público acompanha os seus heróis.

A prova KIDS é nas distâncias de 200 e 400m, e é aberta a todos os que queiram participar, neste experiência que é nadar no mar.

Ainda temos a já habitual estafeta, competição que se disputa em equipas de 2 ou 4 elementos, num percurso total de 4.000m (4x1000m).

Inscrições serão abertas em breve

Créditos da imagem: Swim Challenge Cascais 2019

O conteúdo Swim Challenge Cascais 2019 a 26 de maio aparece primeiro em Chlorus.

Categorias: Natação Nacional

Os dias de diversão das estrelas da NBA. E um afundanço sobre Shaq

TSF - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 19:17
O NBA All-Star Weekend juntou, em Charlotte, as maiores estrelas do campeonato norte-americano de basquetebol.

Direto: Seferovic inaugura o marcador aos 3'. Aves 0-1 Benfica (1.ª parte)

TSF - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 19:14
O vice-líder do campeonato visita a primeira equipa abaixo da linha de água. Ouça o relato TSF e veja o golo.

VAR faz regressar jogador dos balneários para receber cartão vermelho directo

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 18:15

A situação insólita aconteceu durante a partida entre o Legia de Varsóvia, equipa comandada por Sá Pinto, e o Cracóvia, em jogo a contar para a 22.ª jornada da I Liga Polaca.

Ao minuto 66, o francês William Remy foi admoestado com cartão amarelo e passado pouco tempo depois viu a segunda cartolina amarela, recebendo ordem de expulsão por acumulação. Ora, depois de ter recolhido aos balneários, o defesa galês foi chamado pelo árbitro da partida para regressar ao relvado e... ser expulso novamente, aos 74 minutos, desta feita com cartão vermelho directo.

O recurso ao Vídeo-árbitro (VAR) foi fundamental para que o juiz do encontro tomasse uma opção mais acertada, isto porque Remy pisou o jogador oponente e o árbitro entendeu o gesto como uma agressão. O vermelho directo traduzir-se-á assim numa sanção disciplinar mais pesada para o jogador de 27 anos.

Já em termos desportivos, a partida terminou com uma derrota do Legia de Varsóvia nesta recepção ao Cracóvia, por 0-2, algo que já não acontecia desde 1951 na capital da Polónia.

Nani rescinde com Sporting e assina pelos Orlando City

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 17:04

O extremo internacional português rescindiu com o Sporting o contrato válido até junho de 2020 e assinou pelos Orlando City, anunciaram hoje os dois clubes de futebol.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o Sporting deu conta da “revogação, por mútuo acordo, do contrato de trabalho desportivo celebrado” com o avançado de 32 anos.

“Este é um dia entusiasmante para a nossa organização. O Nani confere tremenda experiência ao nosso plantel. Ele é um extremo dinâmico com qualidade técnica para transportar e cruzar a bola, com impacto no jogo e liderar o ataque”, afirmou o diretor para o futebol dos Orlando City Luiz Muzzi, citado pelo clube norte-americano.

De acordo com os Orlando City, Nani chegou a custo zero ao emblema norte-americano, pelo qual assinou um contrato válido por três temporadas.

“São 141 jogos, 33 golos, três troféus oficiais e uma certeza: foi um orgulho ver-te com as nossas cores. Alvalade é, sempre foi, e sempre será a tua casa. Obrigado e boa sorte, Nani”, lê-se no Twitter oficial do Sporting

Danilo realizou tratamento no regresso do FC Porto aos treinos

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 16:50

O médio internacional português Danilo realizou hoje tratamento, no regresso do FC Porto aos treinos, na preparação para a visita de sexta-feira ao Tondela, na I Liga de futebol.

O jogador, de 27 anos, voltou a lesionar-se, com uma “entorse traumática no tornozelo direito”, sofrida no jogo de sábado em que os ‘dragões venceram o Vitória de Setúbal (2-0), e no qual teve que ser substituído aos 61 minutos.

Hoje, Danilo fez tratamento, juntando-se ao boletim clínico da equipa, em que constam Aboubakar, que fez ginásio e treino condicionado, Marega, que realizou tratamento, e Brahimi, em treino condicionado e ginásio.

Os ‘dragões’, líderes da I Liga, com mais quatro pontos do que o Benfica, que ainda hoje visita o Desportivo das Aves, e defrontam fora o Tondela na sexta-feira (21:15), em jogo da 23.ª jornada.

A equipa, treinada por Sérgio Conceição, volta a treinar na terça-feira, em sessão agendada para as 16:00, no Olival.

Nani rescinde com Sporting por mútuo acordo e assina pelo Orlando City

TSF - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 16:44
O emblema norte-americano já confirmou a contratação do português através das redes sociais. O extremo de 32 anos assinou um contrato válido por três épocas.

Faltam 17 golos a Cristiano Ronaldo para igualar feito histórico da Serie A

Diário de Notícias - Desporto - Seg, 18/02/2019 - 16:34

Cristiano Ronaldo lidera a lista de melhores marcadores da Liga Italiana com 19 golos apontados nesta temporada de estreia com a camisola da Juventus. Ora, quando restam 14 partidas para o final da Serie A, o DIÁRIO fez as contas e CR7 terá de apontar 17 tentos até ao final de Maio para chegar aos 36 golos e igualar uma meta histórica: ser um dos jogadores que mais balançou as redes numa só edição da liga de futebol transalpina.

Até hoje, apenas dois futebolistas conseguiram fazê-lo: Gino Rossetti (Torino – 1928/29) e, mais recentemente, Gonzalo Higuaín (Nápoles – 2015/16). Mas, se o ‘astro’ madeirense se ficar pelos 16 golos até ao fim da temporada, na Serie A, também irá igualar outro registo interno, podendo tornar-se, a par de Ferenc Hirzer (1925/26), no jogador da Juventus com mais golos apontados numa só época, na Liga Italiana: 35 tentos.

De resto, o jogador de 34 anos está na corrida para mais uma Bota de Ouro ombreando neste momento com Kylian Mbappé (19) e estando a três de igualar Lionel Messi (22) nos melhores marcadores das ligas europeias. Cristiano Ronaldo conta já com quatro Botas de Ouro (2007/2008, 2010/2011, 2013/2014 e 2014/2015) e almeja, pelo menos, chegar à quinta a fim de igualar o registo da ‘La Pulga’.

Recorde-se que, nesta altura, Cristiano Ronaldo é o máximo goleador da Serie A, com 19 tentos concretizados, seguido por Piatek (Milan – 17 golos), Quagliarella (Sampdoria – 16 golos) e Duvan Zapata (Atalanta – 16 golos). Entre todas as competições, o madeirense soma já 21 golos.

Páginas